MBCT

FORMAÇÃO INTERNACIONAL:

MINDFULNESS BASEADO EM TERAPIA COGNITIVA (MBCT)

 

OMC Standard Logo - High Res

 

 

A formação profissional em MBCT organizada no Ser Integral: Centro Português de Mindfulness será apresentada em colaboração com o Centro de Mindfulness da Universidade de Oxford (Inglaterra). Os formadores são professores séniores de MBCT do Centro de Mindfulness da Universidade de Oxford

 

 

O programa de Mindfulness Baseado em Terapia Cognitiva (MBCT) foi desenvolvido em 1990 como um programa em grupo de prevenção de replapso para pessoas em risco de relapso de depressão que pretendem aprender ferramentas e desenvolver capacidades que lhes permitam manter o equilíbrio a longo prazo. O MBCT integra o treino sistemático de mindfulness com elementos da terapia cognitivo-comportamental. É ensinado em grupo de 8-15 pessoas durante 8 semanas consecutivas.

 

O programa de MBCT apresenta um crescente número de evidências científicas relativamente á sua eficácia e eficiência em termos de custos (Gotinket al., 2015; Kuyken et al., 2016). Desde o manual original de prevenção de recorrentes depressões (Segal et al., 2013) o MBCT foi expandido para novas populações (ex. pessoas com problemas de ansiedade) e contextos (ex. escolas). O programa de MBCT é tem sido gradualmente cada vez mais mencionado em guias de tratamento, assim como num número crescente de organizações que pretendem oferecer o MBCT. Para tornar o MBCT acessível é necessário formar um número suficiente de professores de MBCT. A eficácia e sustentabilidade serão determinados pela qualidade desta formação.

 

Aqui encontra a descrição do percurso formativo de professores de MBCT utilizado pelo Centro de Mindfulness da Universidade de Oxford que utiliza o Percurso Formativo de MBCT (Segal et al, 2016) como enquadramento e os Critérios de Avaliação de Ensino de Intervenções Baseadas no Mindfulness (MBI-TAC) (Crane et al., 2013) para avaliar competências dos formandos e professores de MBCT. Inclui uma abordagem coerente com várias etapas á medida que o formando avança de principiante, para principiante avançado, para professor qualificado de MBCT. Os pontos de transição são uma oportunidade de parar e considerar a preparação para avançar para a etapa seguinte; por vezes o formando poderá estar preparado para avançar para a etapa seguinte, mas outras vezes poderá ser necessário mais trabalho antes de avançar. Os professores de MBCT têm que ensinar de uma posição experiencial e embodied e o MBCT não é para todos. Se não for um programa compatível, existem muitas outras abordagens terapêuticas igualmente úteis.

 

O percurso formativo integra workshops/formações residenciais de mindfulness, formação de competências e supervisão. Colaboração e coordenação regional, com o apoio do Centro de Mindfulness de Oxford, é uma forma excelente de oferecer uma formação de elevada qualidade. 

 

No total existem 3 etapas: (1) Fase Preparatória, (2) Formação Fundamental e (3) Estágio com Supervisão

 

 

1. FASE PREPARATÓRIA - PRÉ-REQUISITOS

 

Existem um número de pré-requisitos para ingressar na Formação Profissional de MBCT:

 

  1. Compreensão experiencial do mindfulness através da prática pessoal de mindfulness. Isto deverá ser integrado pelo menos durante 1 ano antes de ingressar na formação profissional

    2. Participação num programa de MBCT (ou MBSR) de 8 semanas como participante. Isto pressupõe a importância em compreender o programa experiencialmente, incluindo a utilização das principais práticas ensinadas durante o MBCT.

Este pré-requisito está disponível no Ser Integral: Centro Português de Mindfulness em formato presencial (ver informações aqui) ou online (ver informação aqui)

    3. O conhecimento e competências chave para apresentar uma abordagem terapêutica estruturada. Normalmente, isto incluirá uma qualificação profissional que permite á pessoa ensinar o MBCT com a população alvo e no contexto em que têm planos para ensinar de uma forma segura e eficiente. Por exemplo, para ensinar o MBCT para depressão deverá ter um curso profissional numa das áreas de saúde mental que o qualifique para prática clínica. Isto incluirá a utilização de abordagens terapêuticas, estruturadas e baseadas em evidências, de saúde mental (ex., Terapia cognitivo-comportamental), o conhecimento e competências para trabalhar com populações clínicas e o conhecimento e competências para identificar e gerir riscos. Pessoas com interesse em ensinar o programa de MBCT com outras populações e/ou em contextos não clínicos poderão potencialmente ingressar na formação profissional. No entanto, uma avaliação da sua formação educacional e vocacional que o qualifique para trabalhar com a população desejada, será feita nesse sentido. Poderá ser solicitada formação adicional juntamente com o percurso formativo de MBCT, como por exemplo ética, avaliação e gestão de risco.

    4. Conhecimento e experiência a trabalhar com a população a quem será apresentado o programa de MBCT , incluindo experiência no ensino, terapêutica e outras competências de prestação de cuidados.

    5. Competências para trabalhar com indivíduos e grupos.

 

Um percurso formativo de MBCT é percurso integrado ou de etapas, percurso modular durante um período de tempo flexível. Há diferentes modelos de formação, desenvolvidos para diferentes contextos que dão resposta á solicitação para tornar mais acessível a formação profissional, com a necessidade de manter a qualidade e integridade.

 

Idealmente, os pré-requisitos dos formandos deverão ter sido completados antes de iniciarem o percurso formativo e pelo menos um ano antes de iniciarem a formação para permitir que o conhecimento, competências e a prática de mindfulness sejam desenvolvidos em paralelo como preparação para o ensino do MBCT. Trabalhar no sentido de adquirir as competências de ensino do MBCT através de ensino supervisionado deverão decorrer no período necessário para permitir tempo suficiente para preparação, ensino, supervisão e reflexão.

 

 

 

 

2. FORMAÇÃO FUNDAMENTAL

 

Para preparar formandos a tornarem-se professores estagiários do MBCT, um total de 4 módulos apoiam o formando no processo de aprendizagem que lhes permite adquirem as competências para avançarem nos resultados de aprendizagem relevantes. Os módulos são, normalmente, apresentados sequencialmente, e normalmente os módulos 1 e 2 são ensinados em conjunto numa formação residencial de pelo menos 5 dias, mas podendo decorrer entre 6-7 dias. Por vezes, um dia de silêncio de prática é introduzido entre o módulo 1 e 2, introduzindo a oportunidade de manter uma prática mais contínua para desenvolverem a componente experiencial e o embodiment. O módulo 4 é uma oportunidade para o formando ensinar o MBCT para grupos de colegas, tendo por base a aprendizagem adquirida nos módulos 1-3.

 

Módulo 1: MBCT experiencial - os formandos são orientados num programa de MBCT para que possam aprender o MBCT de “dentro para fora”

Isto pode ser completado num programa de 8 semanas de MBCT ou num formato intensivo de 2-5 dias (para os que já participaram num programa de 8 semanas de MBCT). No caso do que vamos organizar no Ser Integral: Centro Português de Mindfulness com o apoio do Centro de Mindfulness da Universidade de Oxford, será em formato intensivo residencial juntamente com o Módulo 2.

 

Para informações sobre Datas e Condições de Inscrições para o Módulo 1 (a realizar em formato intensivo com o Módulo 2) ver informações aqui

 

Módulo 2: Formação Intensiva Fundamental I - começar a orientar programas de MBCT

Este módulo envolve o ensino da teoria do MBCT, investigação, ciência cognitiva, evidências científicas, enquadramento ético, estrutura e sequência do curriculum; aprender a orientar os principais aspectos do programa de MBCT e apoiar os clientes na aprendizagem. A maior parte deste módulo envolve trabalho em pares alternando o papel de formando e aprendiz, á medida que o formando aprende a ensinar as principais práticas e elementos do curriculum (“teach-backs”) Esta formação decorre no mínimo de 3 dias, mas mais tempo permita o ensino e aprendizagem mais profunda. Os formandos deverão preparar cuidadosamente a sua presença na formação ao lerem o Manual do Professor de MBCT (Livro Verde) e “The Mindful Way Workbook”.

 

Para informações sobre Datas e Condições de Inscrições para o Módulo 2 (a realizar em formato intensivo com o Módulo 1) ver informações aqui

 

Módulo 3: Mindfulness Experiencial Residencial

Os formandos passam por uma experiência extensiva de prática de mindfulness com um professor experiente de mindfulness, num contexto residencial para aprofundarem a sua compreensão experiencial do mindfulness e desenvolverem o seu “embodiment”. A intenção é criar a oportunidade para uma compreensão experiencial profunda do mindfulness que apoio o ensino experiencial e embodied do programa de MBCT (Peacock, et al., 2016). Este módulo assenta na participação de um Retiro de Silêncio de Mindfulness, com a duração de 5 - 7 dias, e serão apenas aceites retiros organizados pelo Ser Integral: Centro Português de Mindfulness, Centro de Mindfulness da Universidade de Oxford, Gaia House ou outros retiros préviamente aprovados para a formação. Desta forma, conseguimos garantir a qualidade da experiência e a orientação por um professor experiente de mindfulness.

 

Para informações sobre os retiros organizados pelo Ser Integral: Centro Português de Mindfulness e reconhecidos para o Módulo 3 ver informação aqui

 

Módulo 4: Formação Intensiva Fundamental II - começar a ensinar o programa de MBCT.

Este módulo envolve: continuar a ensinar a base teórica do MBCT e as suas adaptações; aprender a ensinar os principais elementos do programa a pequenos grupos com feedback mais avançados dos formadores; começar a compreender a estrutura e o desenvolvimento do MBCT durante as 8 semanas e para lá do mesmo terminar. A aprendizagem é baseada na componente experiencial mais profundamente desenvolvida durante o módulo 3.

Este módulo decorre normalmente num periodo de 5-6 dias.

 

 

Adicionalmente, uma série de masterclasses/workshops desenvolvem o conhecimento e compreensão dos tópicos centrais ao ensino do MBCT: o “C” no MBCT; Investigação, Grupos, Movimento Mindful, Psicologia Budista, Pesquisa/Avaliação, e Ética. Estes fornecerem aspectos chave adicionais ao ensino e podem ser completados em diferentes momentos do percurso formativo, mas normalmente após o Módulo1. Estamos a avaliar a possibilidade de apresentar estes formatos em contextos internacionais.

 

É esperado que, normalmente, o módulo 1 e 2 em conjunto capacitem o formando a um nível iniciado; e os módulos 3 e 4 capacitem os formandos a um nível principiante avançado e preparem os formandos para iniciarem a orientação de programas de supervisão com orientação. No entanto, ás vezes, professores em formação com uma experiência passada significativa (por exemplo, professores certificdos de MBSR ou terapeutas com elevada experiência em Terapia Cognitivo-Comportamental) possam estar preparados para orientar programas de MBCT mais cedo. Igualmente, é possivel que professores em formação possam precisar de mais preparação para estare preparados para orientar programas de MBCT (por exemplo, alguém com conhecimento limitado em Terapia Cognitivo-Comportamental, mindfulness e/ou competências de ensino).

 

 

3. ESTÁGIO COM SUPERVISÃO

 

O formando desenvolve competencias como professor de MBCT através de (co-) orientação de programas de MBCT (no mínimo 2), com supervisão. Isto envolve apresentar o programa de MBCT preferencialmente como estagiário juntamente com um professor de MBCT com experiência; ou independente mas com supervisão por parte de uma supervisor de MBCT experiente (Evans et al., 2015). Em alguns casos, dois formandos podem co-orientar mas com supervisão em conjunto.

 

Os formandos, normalmente, necessitam de 8 horas individuais de supervisão durante a duração dos dois programas de MBCT (4 horas por programa). Isto pode ser completado num formato á distância via telefone, Skype ou opções na internet semelhantes. Idealmente, a supervisão inclui observação directa da orientação do programa de MBCT ou de gravações em video das sessões do programa de MBCT.

 

Os Critérios de Avaliação de Intervenções Baseadas no Mindfulness (MBI-TAC) podem ser utilizados como ferramentas de auto-reflexão, auto-supervisão e aprendizagem. Os formandos podem explorar como a orientação do MBCT espelha as competências e qualidades reflectidas no MBI-TAC como um todo, assim como em domínios específicos. É preferencial que seja utilizada a escala em relação ás gravações dos áudios, em vez de fazerem uma avaliação retrospectiva de como decorreu – isto irá apresentar uma imagem mais exata. Idealmente, a supervisão inclui a utilização do MBI-TAC como enquadramento de ensino/aprendizagem. No caso de não ser possível estar presente um supervisor, este processo pode ser completado por alguém com um nível de desenvolvimento de etapa formativa semelhante, por exemplo pode ser um colega com quem tenha completado a formação Fundamental. Os formandos podem igualmente utilizar as suas gravações, revendo, observando, refletindo, corrigindo, melhorando e tentando novamente, tudo com a implementação das qualidades do mindfulness, interesse, gentileza, paciência e equanimidade.

 

Avaliação de Competência

O estágio tem como objectivo apoiar os formandos a avançarem nos níveis de competência de ensino do MBCT. A avaliação de competência decorre quando os formandos se sentem preparados e ensinaram pelo menos dois programas de 8 semanas de MBCT com supervisão. Os formandos poderiam ser avaliados na orientação do programa de MBCT ao vivo ou fariam uma gravação enquanto orientam o programa de 8 semanas de MBCT, garantindo que está tudo gravado em vídeo e audio e que consentimento apropriado é solicitado aos clientes. Espera-se que os professores de MBCT estejam a ensinar programas de MBCT num nível competente nos seis domínios do MBI-TAC. Isto é baseado numa avaliação sumativa de competência, baseada em observação directa do ensino ao vivo ou gravações de video, utilizando ferramentas e procedimentos de avaliação já estabelecidos (MBI-TAC). O Centro de Mindfulness de Oxford determina o Percurso Formativo de BCT e fornece Avaliação de Competência do ensino de programas de MBCT.

 

 

 

 Progressão nas Etapas Formativas

A progressão de uma etapa para a outra é uma oportunidade de pausa e para considerar a preparação para avançar para a etapa seguinte; ás vezes o formando pode estar preparado e outras vezes ser necessário mais trabalho para progredir no percurso formativo. Os modelos de formação deverão ser desenvolvidos em linha com a investigação e consenso na opinião, e este percurso formativo deve refletir desenvolvimento no tempo. Uma visão geral é apresentada na Figura 1 em baixo.

 

 

Figura 1: Visão Geral das Etapas do Processo Formativo do MBCT

 

 

Screen_Shot_2017-07-10_at_15.10.10.png

 

 

 

 

MBCT: Resultados da Aprendizagem do Curriculum Formativo

 

Ao completarem com sucesso a formação, os formandos deverão ser capazes de:

 

  • Compreender e criticar os principais fundamentos teóricos e bases científicas do MBCT
  • Descrever o curriculum MBCT e a base lógica dos diferentes elementos
  • Articular claramente a base lógica para seleção de pacientes e implementar a avaliação e orientação das sessões
  • Ter as competências necessárias para liderar/conduzir práticas de mindfulness e apoiar clientes na aprendizagem e desenvolvimento das práticas de mindfulness
  • Ter as competências necessárias para conduzir todos os aspectos do programa de MBCT e apoiar a aprendizagem dos clientes
  • Escolher os métodos adequados para avaliar a acessibilidade e eficácia do MBCT e para interpretar estes dados de avaliação
  • Avaliar quando o MBCT é apropriado para uma determinada população e contexto, e optimizar a acessibilidade a pessoas de diferentes culturas e com diferentes valores. Esteja atento a questões de salvaguarda e riscos, e seja competente na gestão destas situações na prática.
  • Refletir sobre questões de âmbito ético do ensino do MBCT e ser capaz de colocar em prática estas questões de âmbito ético em situações que surgem na prática clínica.
  • Manter uma prática regular de mindfulness, refletindo a sua relevância no ensino do MBCT e encarnando esta aprendizagem no ensino do MBCT
  • Refletir na sua aprendizagem e desenvolvimento, avaliar o progresso e envolver-se ativamente em supervisão e estabelecer objectivos para uma aprendizagem contínua.

 

Para todos os interessados em ingressar no Processo Formativo do Programa de MBCT aconselha-se a leitura dos documentos em baixo:

 

 

Oxford Mindfulness Center - Formação Internacional aqui

 

Oxford Mindfulness Center - MBCT Percurso Formativo aqui

 

 

Quando se vai realizar?

ver aqui


 

 

 

 

Copyright © Ser Integral 2014 - Todos os direitos reservados.

Produção e Concepção por: PTWS - Alojamento Web.