MINDFULNESS PARA CRIANÇAS: mais uma atividade para o meu filho(a) ou uma prática para toda a família?

 

 

Artigo Publicado na revista Online EsmeraldAzul

12 Abril de 2016

logo-topo-pt

 

 

 

Mindfulness para toda a familia

 

 

 

Os Programas de Mindfulness para Crianças têm adquirido grande expressão nos últimos anos, colmatando a necessidade de introduzirmos pausas nas agendas cada vez mais preenchidas dos pequenos e promovendo uma maior foco na sua vida interior, no seu Ser. Ajuda-os a estar mais em sintonia com as suas sensações, emoções e pensamentos. Ajuda-os a estar em paz com o fluir da vida, com uma atitude mais positiva, tornando-os mais aptos para lidar com qualquer desafio. Com o ritmo de vida cada vez mais acelerado que todos vivemos, cada vez mais famílias procuram formas de manter maior equilíbrio e sanidade nas suas relações e nos seus desafios.

 

 

Muitos pais contactam-nos com urgência em que os seus filhos frequentem um Programa de Mindfulness. "Porque é muito irrequieto", "porque não se consegue concentrar", "porque não consegue controlar a sua raiva", "porque tem problemas de comportamento na escola". O Mindfulness é sem dúvida um caminho que pode ajudar em todos estes casos. Os estudos demonstram que o Mindfulness para Crianças pode ter efeitos ao nível da capacidade de atenção, de regulação emocional, compaixão e redução de stress (cf http://www.mindfulschools.org/about-mindfulness/research/). Mas não podemos esquecer que o comportamento de uma criança ocorre dentro de uma dinâmica que vai além dela, que inclui as relações que ela estabelece com os diferentes adultos de referência, pais, avós, professores e nos diferentes contextos que ela habita. Muitas vezes, se em vez da urgência de controlar um determinado comportamento indesejável, adoptarmos uma atitude de curiosidade e presença e começarmos a ver a criança, as suas relações, o seu quotidiano e os seus desafios, com outras lentes e podemos ganhar um maior entendimento dos factores que alimentam um determinado comportamento nela.

 

 

Usando uma metáfora da natureza: quando cultivamos uma horta, deparamo-nos com uma série de ervas "daninhas" que crescem em redor da planta que nós selecionamos. Podemos ter 2 atitudes: arrancar as ervas uma e outra vez, ou aprender com elas. As ervas que crescem são normalmente sinais que o solo emite para comunicar as suas necessidades. Para que eu esteja em equilíbrio eu preciso de mais azoto, de raízes mais fundas que me ajudem a descompactar e a arejar.

Com as crianças (e também com os adultos!) passa-se o mesmo. Elas também têm comportamentos "erva daninha" que todos queremos eliminar. Mas talvez a forma mais eficaz de o fazer é primeiro aceitá-los e perceber que necessidade está por detrás deles. Talvez precise de mais descanso, de mais reconhecimento, de mais conexão, de mais segurança. Assim, vamos conseguir que a criança tenha um solo nutrido, equilibrado onde poderá crescer tudo o que ela quiser.

 

 

Neste sentido, considero que o Mindfulness é uma prática e uma forma de estar connosco e com a vida que nos permite esta conexão com as nossas necessidades e com as necessidades dos nossos filhos. Às crianças dá-lhes espaço para ganharem consciência do seu corpo, das diferentes sensações, das suas emoções, dos seus pensamentos e de como a sua atenção é um recurso que elas podem usar sempre que precisarem. Contribui para o seu auto-conhecimento, capacidade de atenção e regulação emocional. Permite esta reconexão ao corpo e maior clareza para distinguir e comunicar as suas necessidades. Tudo isto, com uma maior compaixão por si própria e pelos outros.

 

 

Assim, recomendo que entrem num programa de Mindfulness sem urgências, sem expectativas de um resultado concreto. Entreguem-se à experiência e disponham-se a estar com o que acontecer com uma atitude de curiosidade, aceitação e não-julgamento. Não deixem que o Mindfulness seja mais uma actividade para os vossos filhos. Aproveitem esta oportunidade para trazer mais presença e aceitação para a vossa vida familiar. Observem as vossas ervas daninhas. Reconheçam-nas. Nutram o vosso solo.

 

Pratiquem com os vossos filhos*! Como?

1. Antes de adormecer partilhem 3 coisas de que estão gratos pelo vosso dia.

2. Façam uma viagem pelo corpo: sintam os vossos pés, pernas, costas, barriga, peito, ombros, braços e cabeça. Imaginem que o vosso corpo é uma tira de esparguetti crua. Contraiam todos os músculos ao máximo. Depois deixem o esparguetti cozer e deixem que o corpo fique mole e relaxado como a massa cozida.

3. Boa noite!

 

O Programa de Mindfulness para Crianças do Ser Integral: Centro Português de Mindfulness inclui material de apoio para pais, com estas e outras sugestões para que a prática de mindfulness possa fazer parte da rotina familiar. Consulte também a nossa oferta de Cursos para Adultos e Programas de Mindfulness e Parentalidade para aprofundar a sua prática pessoal.

 

Dra. Filipa Soares

Ser Integral: Centro Português de Mindfulness

 

Copyright © Ser Integral 2014 - All Rights Reserved.

Production and Design by: PTWS - Alojamento Web.